Prefeitura municipal de Nova Resende A+  
A-  
A 
Buscar no site:
Aviso: O telefone principal da Prefeitura agora é: (35) 3562-1986

Sem repasses, prefeitos se reúnem para enfrentamento da crise financeira



Em 09/11/2018 - Sem repasses, prefeitos se reúnem para enfrentamento da crise financeira

O prefeito de Nova Resende Jose Roberto Rodrigues e o Procurador Ronaldo Ferreira Cardoso se reuniram com mais de 50 prefeitos da região, que compõem a Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Grande (AMEG), a Associação dos Municípios da Microrregião Baixa Mogiana (AMOG) e Associação dos Municípios do Lago de Furnas (ALAGO), na ultima terça-feira, 6, em Passos, para discutir medidas emergenciais diante da falta de repasses do Governo do Estado, que está deixando os municípios em situação de penúria.

Os prefeitos do Sul e Sudoeste estão, literalmente, num beco sem saída. Com os cofres zerados, a maioria afirmou que, além dos salários dos servidores ativos e inativos, os serviços essenciais como saúde e educação também estão ameaçados pela falta de repasses.

         “A situação está crítica para todos os municípios da nossa região. Mesmo aqueles prefeitos que ainda estão conseguindo cumprir com seus compromissos, já temem porque não conseguirão fechar o ano com as contas pagas se os recursos não chegarem”, destacou a prefeita Nilvinha, de São João Batista do Glória. A dívida total com os municípios mineiros é de R$ 9,7 bilhões. Nem os repasses constitucionais semanais do ICMS e FUNDEB estão sendo realizados regularmente. 

         Após análise das propostas apresentadas, os prefeitos estabeleceram medidas emergenciais contra a falta de repasses por parte do Governo do Estado. Uma delas é o envio de ofício para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais e também para a AMM, informando sobre a reunião realizada nesta terça-feira e solicitando uma ação mais incisiva da Associação. Também será encaminhada para a imprensa regional uma nota de repúdio com relação a falta de repasses. Participaram da reunião, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos municípios de: Alpinópolis, São Sebastião do Paraíso, São João Batista do Glória, Passos, Itaú de Minas, Fortaleza de Minas, Guapé, Delfinópolis, Jacuí, Nova Resende, Guaxupé, Monte Belo, Areado, São José da Barra, Carmo do Rio Claro, Pratápolis, Piumhi, São Tomás de Aquino, Capetinga, Cássia, Capitólio, São Pedro da União, Bom Jesus da Penha, Juruaia, Conceição Aparecida.